sábado, 29 de maio de 2010

Algumas maneiras de fazer alguém feliz...



Dê um beijo.
Um abraço.
Um passo em sua direção.
Aproxime-se sem cerimônia.
Dê um pouco de calor.
Do seu sentimento.
Assente-se bem perto e deixe ficar algum tempo ou muito tempo.
Não conte o tempo de se dar.
Aprenda a burlar a superficialidade.
Sonhe o sonho sem duvidar.
Deixe o sorriso acontecer.
Liberte um imenso sorriso.
Rasgue o preconceito.
Olhe nos olhos.
Aponte um defeito com jeito.
Respeite uma lágrima.
Ouça uma história ou muitas, com atenção.
Escreva uma carta e mande.
Irradie simplicidade, simpatia, energia.
Num toque de três dedos, observe as “coincidências”.
Não espere ser solicitado, preste um favor.
Lembre-se de um caso.
Converse serio ou fiado.
Conte uma piada.
Ache graça.
Ajude a resolver um problema.
Pergunte: Por quê? Como vai? Como tem passado? Que tem feito de bom? Que há de novo? E preste atenção!
Sugira um passeio, ou bom livro, um bom filme ou mesmo um programa de televisão.
Diga, de vez em quando, desculpe, muito obrigado, não tem importância, que se há de fazer, dá-se um jeito.
Tente, de alguma maneira.
E não se espante se a pessoa mais feliz for você!

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Shakespeare...



“O amor é fumo feito de hálito dos suspiros; se o alimentam, é fogo cintilante nos olhos dos amantes; se o contrariam, é um mar feito de lágrimas. E que mais é? Discretíssima loucura, fel que amarga e mel que sustenta.”

"De almas sinceras a união sincera
Nada há que impeça: amor não é amor
Se quando encontra obstáculos se altera,

Ou se vacila ao mínimo temor.

Amor é um marco eterno, dominante,
Que encara a tempestade com bravura;

É astro que norteia a vela errante,

Cujo valor se ignora, lá na altura.

Amor não teme o tempo, muito embora
Seu alfange não poupe a mocidade;

Amor não se transforma de hora em hora,
Antes se afirma para a eternidade.

Se isso é falso, e que é falso alguém provou,

Eu não sou poeta, e ninguém nunca amou".

E, Por Sermos... Amores...Amados...Amantes...Amigos...
Tudo Dito, É Verdadeiro E Por Sê-Lo, Devemos Seguir,
Como Mandamentos, Imperioso À felicidade...

terça-feira, 4 de maio de 2010

Descrição Utópica...



Quem é ela?

A pessoa!

Aquela que tem dons múltiplos... e imperfeições que, talvez, eu ainda desconheça!

Ela não me olha nos olhos, mas vê meu coração... Sabe exatamente o que eu sinto... e, assim, me mostra a sensibilidade...

Não pode me ver chorando, mas sabe a hora certa pra secar minhas lágrimas... e, é desta forma, que me mostra a ternura!

Ela pode até não sorrir, mas me faz sorrir... Ou pode sorrir também... e eu adoro quando isso acontece! x} ...com isso me mostra o carisma! A graça que só ela tem...

Ela não precisa segurar minha mão, mas sabe exatamente quando a preciso ao meu lado...

Ela pode não estar aqui, mas se faz presente nos meus sonhos...

Posso não senti-la em meus toques, mas sua presença é constante nos meus pensamentos...em cada flash, ela está ali... presente, viva...linda... como a amizade que sentimos...

Ela não sabe, mas a procuro todas as noites... na busca irrefreada de um simples trocar de teclas...

Ela não sabe como fico feliz quando ela vem... e se faz presente alegrando o meu dia... noite... aliás, qualquer momento em que eu necessite... ela sempre vem... permanece!

Não sabe como a espero, na certeza que virá! Ou até sabe... mas custa a acreditar... e o que importa é que sempre vem!

E não me importa se através de telas, o que importa é que ela está lá! Trocando dedilhadas, emoções, desesperos, sorrisos... O importante é que a sinto... e isso nos aproxima!

E por quê? Nem ao mesmo sei... Só sei que a espero, que necessito, que a busco todas as noites... nossa amizade me faz forte.... e é disso o que preciso... =}

A sensação é que a conheço há anos!

A sensação é que é de berço! Fomos criadas lado a lado, nos separamos como as pessoas fazem quando crescem, e nos reencontramos... e ai tudo ficou bem! Aproveitamos todo o tempo perdido quando nos “encontramos”... batemos papo... e tudo fica “em dia”... é mágico!

É um encontro de almas...sentimentos... Uma sensação forte... Constituída de cabos, fios, telas e teclas... momentos fictícios que dão forma a um sentimento real!

É estranho! Curioso...

As suas letras, em seus formatos, são iguais as de todos, mas só as suas palavras são firmes... pra mim!

É ela quem está ali...e isso que me importa! O que era fantasia, se torna real... e tudo fica bem...

Ela me faz acreditar no sentimento real e me conquista a cada dedilhada...

Sinto sua alegrias através da minha... e seus sentimentos me fazem sentir também! O que ela passa me faz passar... quase transmissão de pensamento, eu diria...

Ela me fez entender, realmente, que só reconhecemos a importância da pessoa, quando sentimos sua falta. E que eu sinto...

E é nessa hora que posso chamar por todos, mas só ela vem... Ou até, posso estar entre centenas... milhares... mas é ela, e somente ela, que me faz falta!

Algumas coisas não se explicam... e o carisma... o carinho... o que eu sinto por ela, mesmo sem a conhecer, é uma delas... Eu apenas sinto... e quem explica?

Ah! Explicar pra que afinal? ...

As melhores coisas que passamos, ninguém explica pra gente! A gente descobre! E tudo sozinho...

Conosco é assim: Eu sinto, ela sente... e acho que isso basta!

Eu Sozinha... as pessoas... a internet... algumas coisas... e a pessoa...

A pessoa!

----------------------------

O mundo virtual é o meu mundo atual! E isso me encanta a cada dia! =} Eu VIVO!

sábado, 1 de maio de 2010

É isso aí...

Te olho nos olhos e você reclama
Que te olho muito profundamente.
Desculpa,
Tudo que vivi foi profundamente...
Eu te ensinei quem sou...
E você foi me tirando...
Os espaços entre os abraços,
Guarda-me apenas uma fresta.
Eu que sempre fui livre,
Não importava o que os outros dissessem.
Até onde posso ir para te resgatar?
Reclama de mim, como se houvesse a possibilidade...
De me inventar de novo.
Desculpa...se te olho profundamente,
Rente à pele...
A ponto de ver seus ancestrais...
Nos seus traços.
A ponto de ver a estrada...
Muito antes dos seus passos.
Eu não vou separar as minhas vitórias
Dos meus fracassos!
Eu não vou renunciar a mim;
Nenhuma parte, nenhum pedaço do meu ser
Vibrante, errante, sujo, livre, quente.
Eu quero estar viva e permanecer
Te olhando profundamente."
------------------------------

É isso aí
Como a gente achou que ia ser
A vida tão simples é boa
Quase sempre

É isso aí
Os passos vão pelas ruas
Ninguém reparou na lua
A vida sempre continua

Eu não sei parar de te olhar
Eu não sei parar de te olhar
Não vou parar de te olhar
Eu não me canso de olhar
Eu não sei parar
De te olhar

É isso aí
Há quem acredite em milagres
Há quem cometa maldades
Há quem não saiba dizer a verdade

É isso aí
Um vendedor de flores
Ensinar seus filhos a escolher seus amores

Eu não sei parar de te olhar
Não sei parar de te olhar
Não vou parar de te olhar
Eu não me canso de olhar
Eu não sei parar...de te olhar
Eu não sei parar...de te olhar