segunda-feira, 23 de agosto de 2010

23.08!




Bom..hoje...ainda dia 23 de agosto...pelo menos, quando começei a escrever era...
Sim! 23.08...dia em que nasci e, exatamente hoje, comemoro 22 aninhos...
E o que essa data significa?
Um dia como outro qualquer...Exceto pelo poder de renovação...

O dia de nosso aniversário, lê-se "nosso dia" tem essa força...Renovar!

A cada ano, cada "passagem", temos a sorte de poder notar tudo o que a vida traz de surpresa...e quantas peças ela prega...

E agora, em um intervalo de 1 ano, exato, pude perceber que fiz coisas que jamais imaginaria ter feito...conquistei coisas que jamais pensei...perdi coisas que não pensava...pessoas que não sonhava...mas, entre coisa e outra, o melhor...conheci pessoas maravilhosas, que farei de tudo para manter ao meu lado por tempo infinito! Amizades antigas que se renovam a cada intervalo...outras novas, mas todas com o mesmo brilho de pedras preciosas, guardadas a sete chaves... e que, como por mágica, renascem junto com nossa própria vida...a cada ano... ou, ainda contrariando esta idéia, por um motivo ou outro, deixam de existir nessa "nova etapa"... novos amores...novas paixões...novos sonhos...é tudo mágico... basta ter calma e analisar minunciosamente cada detalhe...único!

A vida é feita de momentos...e "meus momentos", ao lado das pessoas que amo e passei a amar, ou ainda, amava e não sabia... neste 1 ano, foram os melhores...e creio em Deus, ainda serão, por muito tempo...! Agradeço muito a cada minuto que passo nessa vida...e acredito também, que cada minuto, seja feito de magia...magia essa que temos em poder e nem sabemos [muitas veze...]...

Ah as lembranças... essas também são "fiéis" a nossas etapas... mas somente aquelas que queremos guardar... diria ainda mais... aquelas que tiveram a força total para nos acompanhar neste trajeto...e não foram "enterradas" como outras (desnecessárias!)...
À cada ano, nós não só deixamos algumas coisas para trás, como também armazenamos aquilo que queremos lembrar [quem sabe um dia] em arquivos (sim, são como gavetas) na nossa própria mente...e pq não, tbm paramos para refletir [e mtoooo] tudo o que passou e está passando... (e quando isso acontece é como se fossemos lá, no lugar mais secreto, e "abrimos a gaveta", retirando para uma breve análise, apenas o necessário... aí, se achamos que merece, guardamos novamente no mesmo lugar, senão... "uma tranqueira a menos" na gaveta...).

Nesse período, ainda, fiz coisas que jamais imaginaria ter feito...tentei fazer outras em vão...algumas não fiz! E sequer me arrependo... outras ainda não fiz, não tentei...e disso me arrependo muito... (quem sabe ainda aprendo?!)

Mas o mais importante?!

A cada ano, ou melhor, dia que passa, tenho ainda mais certeza de que tudo o que mais amo está ao meu lado....e isso o que importa...tenho uma mãe maravilhosa e que eu amo muito (embora não demonstre, pelo gênio talvez...)... uma família quase perfeita...rs... e amigos que, podem ser poucos, mas são os melhores...e eu tenho a certeza disso... e amo a cada parte aqui citada, incondicionalmente.... também tenho saúde.... não a melhor, mas é com ela que convivo...então...porque não "tocar a bola"... diabete repreende, mas não impede... pelo menos, não ainda! Vou levando, qto a isso...

...e quanto ao resto?
É só resto...
a gente dá um jeito... =}
Obrigada a todos pelo dia de hoje...

O texto pode ser confuso, mas eu não (pelo menos agora)...
A certeza que tenho é a mesma que me mantém firme....

A de que o amor supera tudo... e com garra a gente vence... [SempRe!]

Nova fase...mesma vida...
Renovada!


Parabéns pra mim!
...


\o/


Nenhum comentário:

Postar um comentário