terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Talvez...

Não adianta nem tentar fazer com que eu me apaixone por você!
Não é que eu não te queira, não te deseje...
É que eu sou mesmo assim,
Enfim...
Meus amigos dizem que eu só penso em mim...
Meus amigos dizem...
Meus amigos falam demais!
Que eu não me entrego,
Que eu não me iludo,
Que nada faço...
Mudo de assunto e disfarço...
Não consigo gostar de ninguém!
Não é que eu não precise de ninguém...
Não é que eu não espere amar alguém...
É que talvez esse amor em que eu acredito não exista...
Se ele existe, que apareça!
Dê ao menos uma pista...
Um frio na barriga, um sorriso ou um sinal...

Pra que eu possa acreditar em um final feliz...

Nenhum comentário:

Postar um comentário