terça-feira, 28 de maio de 2013

É esse momento...


Vou escrever agora pra você porque o que preciso te confessar é esse momento.

Te querer, e te admirar, e te perdoar é sempre possível, porque fáceis nunca fomos.
Te amo porque você é o contrário do que eu queria, sendo o oposto do certo, a surpresa.
Te amo porque quando eu estou com você nada mais me falta.
É estar ao teu lado e lugar nenhum parecer mais seguro que teus braços.

É a gente conversar e o tempo ser infinito.
É olhar pra você e tudo me encantar.
É estar ao teu lado e ser a liberdade o que nos mantém unidos. 

Será que o amor começa quando a gente se sente livre?
Porque é estar com você e nada me polda.
Posso te dizer as palavras mais singelas.
Posso te contar a piada mais sem graça.
Posso ser quem eu sou que você vai sempre ver em mim um par de asas.
Sabe, eu te amo também pelas coisas lindas que vê em mim.
Pela bonita fé que a gente construiu do outro.
Pela inspiração mútua que a gente sente.
Meu amor por você é imperecível, porque dura todas as estações de minhas inconstâncias e todos os impulsos que às vezes cometo.
Eu te quero comigo porque em você me clamo.
E o tanto que te amo como amiga, é só mais um dos jeitos que te amo.

( Não sei o autor, mas achei foda : ] )



Nenhum comentário:

Postar um comentário